8 de out de 2012

Ted Boy Marino


E existindo um bom dia para partir, 
uma data boa de morrer 
e se é possível haver escolha 
para se deixar um corpo velho 
onde se é pálido espelho que reflete o que se foi em vida. 
Sua escolha foi bem feita 
partindo você num dia tão terno, 
infantil e doce, 
daqueles que dão mais ênfase ao que está para sempre perdido, 
eternamente guardado nas lembranças 
do que temos como sagrado!
Vai em paz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade pra dar sua opinião.