2 de jul de 2013

A INOCÊNCIA DAS PALAVRAS

Amo as palavras, foram elas que evidenciaram nossa capacidade de raciocinar. Só evoluímos porque articulamos o pensamento e a partir daí, conseguimos falar e assim é até hoje, pelo modo e conteúdo do que falamos, vamos denunciando nossas características, os excessos e carências. A sabedoria e sua ausência.

Fala-se por palavras que deverão ser interpretadas, fala-se pelo silêncio que será presumido. Fala-se através de frases ou por gestos que serão deduzidos, no entanto são as palavras que arcam com o ônus de serem fonte de mal entendidos, por que? Porque de todas as formas de se pronunciar ao outro, apenas é palavra é atributo humano, do humano já desenvolvido.

Portanto, não surte com o estranhamento causado pelo seu silêncio. Não estranhe com o falso julgamento ocasionado pelo seu gesto e antes de ter vontade de chorar, questione a palavra não compreendida..

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique à vontade pra dar sua opinião.